Nosso Blog

> M A N I F E S T O

> M A N I F E S T O
VIVA > vem conhecer o manifesto que criamos com os textos potentes de Ailton Krenak pra nos lembrar que somos TODES natureza. a água percorre todo nosso ser e é nosso bem mais precioso. preservar todo esse ecossistema é respeitar a nossa própria existência.
continuar lendo



o que aprendi ao longo destas décadas, é que todos precisam despertar. estamos todos diantes da eminência de a terra não suportar nossa demanda.

se as pessoas não tiverem vínculos profundos com sua memória ancestral, com as referências que dão sustentação a uma identidade, vão ficar loucas neste mundo maluco que compartilhamos.

neste momento estamos sendo desafiados por uma espécie de erosão da vida. os seres que são atravessados pela modernidade, a ciência, a atualização constante de tecnologias, também são consumidas por elas.

nossas marcas estão ficando cada vez mais profundas e cada movimento que cada um de nós faz, todos fazemos.

foi-se a ideia de que cada um deixa sua pegada individual no mundo. quando eu piso no chão, não é meu rastro que fica, é o nosso.


D E M O D Ê manifesto!
5 de junho . dia mundial do meio ambiente


trechos retirados das obras de Ailton Krenak:
“idéias para adiar o fim do mundo” e “a vida não é útil”
concepção e performance Áurea Maranhão
conceito Maria Zeferina
fotografia e edição Fábio Barros
trilha Daniel Valeriano

Mangue Seco, Raposa, Maranhão

DIA MUNDIAL DA VISIBILIDADE MENSTRUAL

DIA MUNDIAL DA VISIBILIDADE MENSTRUAL
CUIDA > menstruar é um ato sagrado! o sangue como tabu é uma pobre ideologia de opressão à nossa maior potência. o sangue é nosso poder, o fluido mais fértil que habita nosso centro de criação, responsável por gerar uma nova vida. quantas mulheres estão sangrando hoje? e como negar algo que corre em nós de forma tão orgânica e potente?
continuar lendo

Menstruar é um ato sagrado! E o sangue como tabu é uma pobre ideologia de opressão à nossa maior potência. O sangue é nosso poder, o fluido mais fértil que habita nosso centro de criação, responsável por gerar uma nova vida.

Quantas mulheres estão sangrando hoje? E como negar algo que corre em nós de forma tão orgânica e potente?



Somos erroneamente levadas a acreditar que precisamos esconder nossos aspectos naturais. A ciência buscou alternativas para controlar o nosso ciclo, violando nosso corpo com hormônios sintéticos que nos desconectam da feminilidade e nos distanciando do nosso próprio sangue.

A menstruação é um dos maiores portais de abertura espiritual em nosso ciclo e é bem aqui que afloramos nossa intuição. Eis a razão para a evidente sensibilidade tarjada como irritabilidade!

Nossa ação e missão enquanto mulher é transformar as frases questionadoras de nosso ciclo, de forma que nos leve a reconhecer o real valor e motivo da Mãe Natureza continuar a perpetuar nosso ciclo como parte da natureza feminina.

Vamos nos perguntar agora: “Qual é a vantagem que a experiência da menstruação e o comportamento cíclico nos traz?” “E para além da fertilidade, qual importância do ciclo menstrual?”

A cada ciclo menstrual - 28 a 32 dias em média, somos presenteadas com a oportunidade de fortificar, revitalizar e revigorar nossas energias mentais, emocionais e físicas.
No ciclo do sangramento estamos na percepção da Mente da Alma, onde experienciamos o repouso para estabelecer a unidade, conexão e sabedoria espiritual.

“Cada ciclo é uma viagem emocionante por variados níveis de percepção. Uma jornada incrível de cura pessoal e energia renovadora” – Miranda Gray

Como você vivencia seu ciclo? 

Estas são três opções legais e ecológicas pra vocês se inspirarem: 
1. a fraldinha que dá pra encontrar em qualquer farmácia,



2. o absorvente de pano que você mesma pode fazer
(próximo texto vou trazer marcas bem legais pra vocês)

3. o coletor mestrual, bastante conhecido já por quem quer ser mais ecológica



E como a natureza que nos habita, nosso corpo mulher merece estar vestido e abraçado de conforto na menstruação. A DEMODÊ oferece calcinhas que permitem a nossa ventilação e transpiração primordial durante este período. Se vista de CONFORTO, lhe presenteie com o que você merece.



Que cada mulher relembre e fortaleça a sua relação mais íntima com a natureza. Que cada mulher ganhe mais autonomia, respeito por seu ciclo, pelo e corpo e se liberte das opressões sutis do ideal de perfeição.

Com amor de quem sangra e por todas que não sangram,
Tayla Trindade.

*Escrita inspirada nos textos de Ellen Vieira, Pabla Pérez e Sajeeva Hurtado.

O poder da cura mora no nosso quintal

O poder da cura mora no nosso quintal
PLANTA > demorei um tempo até conseguir resumir em poucas palavras a grandiosidade do reino vegetal. estamos cercados de plantas, mesmo por aquelas que não acreditamos ter valor algum, elas estão por todos os lados, resistindo e com muito amor se doando para a manutenção da vida no Planeta.
continuar lendo

Demorei um tempo até conseguir resumir em poucas palavras a grandiosidade do reino vegetal. Estamos cercados de plantas, mesmo por aquelas que não acreditamos ter valor algum, elas estão por todos os lados, resistindo e com muito amor se doando para a manutenção da vida no Planeta.

As plantas são seres extremamente tecnológicos e eu não preciso de muito pra provar, afinal, qual outro ser vivo nesse planeta é capaz de transformar energia solar em energia química? Sim, elas são capazes e é através dessa capacidade que estamos vivos, a essa magia chamamos Fotossíntese, é através dela que possuímos oxigênio para manter nossas vidas. Estamos tão ligados a elas que o gás que expiramos (CO2) elas inspiram e sua expiração (O2) é nossa fonte de existência.



Além dessa capacidade incrível elas nos intrigam com seu crescimento entre duas realidades: o céu e o solo. As plantas são os únicos seres que crescem buscando as forças que elevam (o Sol) e também as forças que aterram (gravidade).

As plantas, além de seres inteligentes e sensíveis, são seres amorosos. Essa amorosidade se manifesta em sua capacidade de nutrir, curar e nos conectar com nossa própria essência. Em todo planeta existe uma diversidade gigante de espécies vegetais e todas elas estão à serviço da manutenção da vida e nelas podemos encontrar os meios de equilibrar nossa saúde.

> Vou falar aqui de algumas plantas muito abundantes em nossa região e que podemos cultivar e utilizar de formas muito simples para equilibrar nossa saúde:

> HIBISCO



Aqui no Maranhão o domingo combina com arroz de Cuxá, prato típico da nossa culinária que leva folhas de vinagreira. No Brasil inteiro seus cálices são conhecidos como "Chá de Hibisco". 

De cor vermelha intensa e linda, a infusão é refrescante e agradável, levemente sedativa e atenua febres, resfriados e problemas das vias aéreas inferiores! Ela também estimula o apetite e é digestiva, devido sua ação demulcente, acalmando o trato digestório! É riquíssima em vitamina C, tônica e age como redutora de colesterol no sangue. Também pode ser utilizada na cosmetologia devido a essa característica de antioxidante e tônica.

> CIDREIRA


Outra planta facilmente encontrada e também de fácil cultivo é a Erva Cidreira, Lippia alba Essa planta sempre esteve presente na minha vida: no quintal da minha avó, da minha mãe e agora no meu. Ela é muito utilizada para chá digestivo, devido sua ação carminativa, que estimula a peristalse do sistema digestório e relaxa o estômago, favorecendo a digestão e combatendo gases.

Mamãe e vovó sempre fizeram na hora do lanche da tarde, para ajudar no sono, pois ela também tem ação calmante, acompanhado de um bolo de fubá! HUMMM sinto saudades!! Essa ação sedativa acalma o sistema nervoso aliviando stress e ansiedade. Seu cheiro me acalma e acalenta! Há também indicações de usá-la para Mel aromático ou xarope, pois também age como expectorante!

> PITANGA


Agora, quem nunca viu por aí as Pitangueiras generosas que além de nativas do Brasil são super adaptadas ao nosso clima quente e úmido. Na fitoterapia, as folhas de pitanga são usadas para auxiliar em problemas como diarréia, bronquites, tosses, febres, ansiedade e tem alto poder antimicrobiano. E como citado no texto acima, popularmente suas folhas são utilizadas para curar febres e resfriados infantis. 

Na aromaterapia seu óleo essencial tem excelente ação em peles acneicas. Seu aroma é ótimo para reerguer pessoas fragilizadas, ajudando na auto-estima, auxiliando em atitudes abusivas. A pitanga fortalece o ponto energético umbilical (chakra umbilical), permitindo ao Ser conexão com sua Afrodite interna, nutrindo a energia da criatividade, entusiasmo e autoestima. A força feminina não é bruta, mas ela é capaz de transformar o mundo com o mais poderoso dos poderes: o amor.

Fico encantada com a generosidade desses seres que além de amorosos, são muito inteligentes e tudo aquilo que falta em nossos corpos elas podem nos oferecer.

por Carú Frota

um convite a reflexão

um convite a reflexão
MOVA > para essa reflexão interna quero te convidar a praticar paschimottanasana: paschima = oeste, parte posterior do corpo + uttana = alongamento intenso + asana = postura. em seu simbolismo o leste esta associado ao nosso consciente e o oeste ao inconsciente, um convite a levar a luz da consciência a tudo que é oculto ou represado no inconsciente.
continuar lendo

O convite a reflexão continua, mesmo que não estejamos querendo. Nos vislumbramos naquela vida antiga, e então se foi. Me pergunto, será que aquela vida ainda voltará a existir? A nova variante do vírus, mais agressiva e letal, nos convoca novamente ao isolamento, ao recolhimento. Nas minhas divagações, reflito o que ainda precisamos aprender. Quais ensinamentos estão sendo postos?

Para essa reflexão interna quero te convidar a praticar paschimottanasana: paschima = oeste, parte posterior do corpo + uttana = alongamento intenso + asana = postura. Em seu simbolismo o leste esta associado ao nosso consciente e o oeste ao inconsciente, um convite a levar a luz da consciência a tudo que é oculto ou represado no inconsciente.

No coletivo, me parece, cada vez mais, que é sobre olhar para a mãe terra como um ser vivo. Senti-la como igual, sentir como sentimos por nossos filhos, pais, animais de estimação etc. Ela é nossa mãe primeira, ela sustenta tudo que existe, todos os seres e toda sua criação. O grande ventre do qual viemos e ao qual retornaremos. A terra é nosso lar e nos dá o alimento, acolhimento e nutrição. Então, porque a violamos constantemente? A meu ver, estamos desconectados! É a única resposta que tenho. Sempre me volta e as vezes não parece responder o todo (rsrs). Confuso eu sei. Mas e se perdemos a visão do todo? Os anseios do individual, oprimem o do coletivo e assim deixamos de olhar para Terra. Um ser vivo que também precisa de cuidados e amor.

E quais seriam esses cuidados? Os que nós mesmos precisamos?

Buscamos, por exemplo, um alimento saudável para o corpo enquanto a Terra se alimenta dos resíduos. E o que entregamos de alimento para ela? Lixo! Uma montanha de lixo sem qualquer tipo de cuidado. Você deixa o lixo espalhado pelo chão da sala da sua casa? E então, porquê descartamos “pra fora” de qualquer jeito? Cuidamos de nós, mas não cuidamos daquela que nos sustenta, esse exemplo é só um pedaço da pontinha do problema.

Te convido então para olhar pra dentro e entender qual nosso papel em tudo isso. Vamos nessa?

Passo 1: Sente-se no chão com as pernas esticadas à frente e os pés em flex (os dedos dos pés separados e apontados para cima). Coloque as palmas das mãos no chão ao lado dos quadris e alongue a coluna. Respire lento e profundo algumas vezes.

Passo 2: Inspire e eleve os braços, cresça um pouco mais a coluna, os pés continuam ativos em flex.



Passo 3: Na expiração traga o abdômen na direção das coxas, as mãos vão até onde você alcançar. É importante ter em mente que o objetivo não é as mãos tocarem os pés, mas sim alongar toda a parte posterior do corpo. Faça um esforço para alongar desde a base da coluna, desfaça a corcunda que é criada pelo alongamento a partir da região dos ombros.



Paschimottanasana em seu efeito energético sutil leva introversão, trazendo conexão interior e concentração. Desviando nossa atenção do mundo externo, equilibra esforço e ambição.

Benefícios físicos:

- Alonga isquiotibiais

- Fortalece as costas

- Reduz a ansiedade

- Estimula a digestão

- Ajuda no sono

- Aumenta a vitalidade sexual e alivia a impotência 

pra acompanhar o trabalho dessa deusa acesse 
instagram.com/imirabrito
as fotos das posturas são da instagram.com/msc_bruna

seja D E M O D Ê !

venha fazer parte de uma moda
que respeita seu corpo e a natureza,
direto do Nordeste do Brasil :)