Blog

> M A N I F E S T O

VIVA



o que aprendi ao longo destas décadas, é que todos precisam despertar. estamos todos diantes da eminência de a terra não suportar nossa demanda.

se as pessoas não tiverem vínculos profundos com sua memória ancestral, com as referências que dão sustentação a uma identidade, vão ficar loucas neste mundo maluco que compartilhamos.

neste momento estamos sendo desafiados por uma espécie de erosão da vida. os seres que são atravessados pela modernidade, a ciência, a atualização constante de tecnologias, também são consumidas por elas.

nossas marcas estão ficando cada vez mais profundas e cada movimento que cada um de nós faz, todos fazemos.

foi-se a ideia de que cada um deixa sua pegada individual no mundo. quando eu piso no chão, não é meu rastro que fica, é o nosso.


D E M O D Ê manifesto!
5 de junho . dia mundial do meio ambiente


trechos retirados das obras de Ailton Krenak:
“idéias para adiar o fim do mundo” e “a vida não é útil”
concepção e performance Áurea Maranhão
conceito Maria Zeferina
fotografia e edição Fábio Barros
trilha Daniel Valeriano

Mangue Seco, Raposa, Maranhão

seja D E M O D Ê !

venha fazer parte de uma moda
que respeita seu corpo e a natureza,
direto do Nordeste do Brasil :)